Cadastre-se grátis
Receba novidades do CADguru: [x] Fechar
Prefere as mídias sociais? Acompanhe o CADguru:

Centro de torneamento: saiba como funcionam as máquinas multitarefas

Postado em: 31/10/2013 Nenhum comentário

Quando se fala em centro de torneamento logo vem à mente as máquinas da alta precisão dimensional, menor tempo passivo e maior eficiência. Pois é, além de tudo isso, podemos garantir que essas supermáquinas foram projetadas principalmente para trabalharem em ambientes de média e alta produção, permitindo uma margem significativa de lucro e produtividade.

Visão interna de um centro de torneamento

Centro de Torneamento

Os centros de torneamento são máquinas de manufatura construídas para agilizar o processo de fabricação de produtos específicos, onde o programador pode executar operações tanto de torneamento, em que o processo de usinagem se baseia em cortar um componente rotativo com uma ferramenta de corte estacionária, ou em centros de torneamento específicos, onde se tem ferramentas acionadas. O programador pode travar a peça e fazer com que a ferramenta gire e faça operações de usinagem semelhantes às que são feitas em centros de usinagem.

Campo de funções dos centros de torneamento

Os centros de torneamento tem um grande campo de funções:

  • Desenho horizontal e vertical.
  • Sub-fuso para usinagem bilateral.
  • Ferramentas acionadas.
  • Eixo Y para fresamento e mandrilamento excêntrico.
  • Vários programas de máquina-ferramenta multieixos podem fornecer resultados de torneamento, desde desbaste e canais até rosqueamento e acabamento.

Características das máquinas multitarefas

Os centros de torneamento também são chamados de torno multitarefas, exatamente pelas suas características de executar diversas operações de usinagem semelhantes com tornos CNC ou centros de usinagem. Essas máquinas possuem um alto grau de automatização e possibilitam  que o programador controle diversos eixos, tanto lineares como circulares, e além disso, possa ter controle sobre diversas funções opcionais de cada máquina como, por exemplo, aparador de peças ou sistema de limpeza de névoa e também o total controle nas ferramentas de trabalho, sejam elas fixas ou acionadas. Tudo isso com o intuito de fabricar peças complexas e com elevada precisão.

Onde são usadas estas máquinas?

Existem muitos segmentos em que são usados esses tipos de máquinas: fabricação de componentes automotivos, de telecomunicações, aeroespacial, hidráulica e pneumática, ferramentarias e, cada vez mais, na área médico-hospitalar, onde são utilizadas para a produção de peças como próteses, parafusos ortopédicos e implantes dentários.

Os centros de usinagem são principalmente usados para eliminar operações posteriores, pois, com a realização completa de um produto em uma única máquina se obtêm uma precisão ainda maior e, ainda por cima, aumenta muito mais a produtividade, reduz a mão de obra, diminui significativamente a ocupação de espaço, reduz os gastos com a energia elétrica e, finalmente, resulta na produção de peças a custos menores.

Existem no mercado, centros de torneamento destinados aos trabalhos a partir de barras e outros que trabalham com placas de fixação para peças de maior porte. Isso vai depender do tipo de produto que você deseja. Entenda um pouco mais sobre os centros de torneamento neste vídeo:

Por fim, podemos concluir que as máquinas-ferramenta multitarefas representam uma evolução para todo o processo de usinagem, reunindo todas as operações necessária para fabricar um produto em uma única máquina. Por isso, garantem grandes benefícios e um horizonte de crescimento aos profissionais da área.

Sobre o autor:

Rafael Mascarenhas Projetista de ferramentas e Programador de máquinas CNC há mais de cinco anos. Ambas as funções realizadas com auxílio de softwares de CAD e CAM, tais como SolidWorks, NX, AutoCAD, SolidCAM, EdgeCAM, entre outros. Cursando ensino superior em Engenharia Mecânica.
Leia mais

Leia também

Comments are closed.