Receba novidades do CADguru: [x] Fechar
Prefere as mídias sociais? Acompanhe o CADguru:

Conheça as principais novidades do AutoCAD Civil 3D 2014

Postado em: 07/02/2014 Comentários (6)

Neste artigo trazemos a vocês algumas novidades da versão 2014 do AutoCAD Civil 3D, além de comentar sobre algumas novas ferramentas que formarão um pacote de softwares voltados para infraestrutura que revolucionará a forma como os projetos de infraestrutura são desenvolvidos.

Quem acompanha diariamente as novidades da linha de produtos da Autodesk deve ter notado que a empresa passa por uma grande reestruturação para oferecer softwares cada vez melhores para seus usuários e um website de navegação simplificada.

Novo site Autodesk AutoCAD Civil 3D 2014

Além disso, a Autodesk lançou a suíte 2014 de seus softwares e não poderíamos deixar de trazer pra vocês as principais novidades que chegaram ao mercado.

O AutoCAD Civil 3D 2014

O AutoCAD Civil 3D é uma poderosa ferramenta voltada para a elaboração de projetos nas mais diversas áreas de infraestrutura. Em nossos cursos gratuitos de AutoCAD Civil 3D vocês já conheceram diversas ferramentas que permitem ao usuário desenvolver com extrema facilidade projetos que envolvem dados topográficos, elaboração de superfícies, estradas, canais, terraplanagem e redes de tubulações.

A cada ano, nós, usuários desta ferramenta, aguardamos ansiosamente pelas novidades contidas em suas novas versões, e a versão 2014 está melhor do que nunca! Nesta versão podemos listar novidades na área de desenho, análises de quantidade e materiais, gerenciamento de projetos, dados survey e anotações.

Na área de desenho, as principais novidades ficam por conta das redes de tubulações de pressão e obtenção de sólidos a partir de corredores. Devido a criação desta nova ferramenta que envolve redes de tubulações de pressão foi necessária criar uma nova opção de análise de quantidades de materiais que a contemplasse. Como não poderia ser diferente, também foram criadas formas que tornassem possível o melhor gerenciamento das informações voltadas a estas redes de pressão. Por fim, rótulos específicos para redes de pressão são fornecidos nesta versão.

Pressure network AutoCAD Civil 3D

Além disso, a versão 2014 do Civil 3D conta com formas de importação e exportação de dados para o Autodesk Infraworks, que é uma ferramenta que auxilia um projetista a executar as etapas iniciais de um projeto e que serão modeladas a partir do Civil 3D.

Sobre o autor:

Rafael Colucci Professor universitário, iniciou seus estudos envolvendo o AutoCAD nos meados de 2001 ainda na versão R14, vindo a conhecer o Civil 3D em 2010, utilizando o como ferramenta para elaboração de projetos necessários em sua dissertação de Mestrado. Desde então é um profundo apaixonado deste software, tendo trabalhado em projetos de Estudos Ambientais e Rompimento de barragens (DAMBREAK).
Leia mais

Leia também

  1. renato em 17/05/2014:

    VCS,SAO OTIMOS AJUDAM MUITO,JA COMPREI A VIDEO AULA DE CAD VOLTADO PARA TERRAPLENAGEM,É MUITO BOM,SOU ESTUDANTE DE ENGENHARIA E SEMPRE RECORRO AO CADGURU PARA MEUS DESENHOS

    Responder
  2. PAULO CEZAR CHAVES em 21/03/2014:

    BOA TARDE,
    POR QUE NÃO TEM UM CURSO NO CIVIL 3D SÓ SOBRE BARRAGENS COM LOCAÇÃO, CORTES E TALUDES, VOLUME DE ESCAVAÇÃO DAS ESTRUTURAS, EN FIM UM PROJETO COMPLETO DE IMPLANTAÇÃO DE UMA BARRAGEM.

    Responder
    • CADguru em 24/03/2014:

      Olá Paulo,

      Muito obrigado pela sua sugestão, são sempre bem-vindas. Ainda não temos previsão para criação deste curso, mas vamos analisar. Sugira este e outros cursos através de nossa pesquisa: Sugira. Com base nas solicitações dos usuários novos cursos serão criados.

      Atenciosamente.

      Responder
  3. gostaria de receber informaçoes sobre usinagem em 3d auto cad e 2d .quanto é o valor..obrigado em 14/02/2014:

    gostei muito das informaçoes anteriores

    Responder
  4. Lino Azevedo em 12/02/2014:

    Obrigada Colega,por me ajudar a compreender esta poderosa maquina que é o 3D ,parabens

    Responder
  5. Angelo Roha em 12/02/2014:

    Muito bom o artigo. Escreva mais colega, somos carentes de matérias dessa área.

    Responder

Comentários (6):