Como inserir tolerância dimensional no detalhamento do SolidWorks 2013

Como habilitar a tolerância de uma peça no SolidWorks 2013

Quando estamos no detalhamento de um projeto, muitas vezes precisamos definir uma tolerância específica para determinada dimensão da peça. Vamos mostrar neste tutorial como inserir a tolerância de uma dimensão de diversas formas, utilizando padrões ou medidas definidas pelo usuário no SolidWorks 2013.

Exemplos de tolerâncias geométricas no SolidWorks 2013

O que é tolerância de dimensão?

Sempre que uma peça é fabricada, existe um erro associado à dimensão desejada. De acordo com o processo de produção, conseguimos medidas mais ou menos precisas. Considerando isto, no momento do projeto já devemos pensar como a peça vai ser fabricada e quais as medidas máximas e mínimas que podemos ter em determinada dimensão. Prevendo estas medidas máximas e mínimas, definimos tolerâncias para as dimensões. Vamos tratar aqui de três tipos de tolerâncias: simétricas, bilaterais e de ajuste.

Como definir a tolerância?

Para definir uma tolerância a uma dimensão, vamos nas opções da dimensão clicando sobre ela (1) e utilizamos a caixa tolerância/precisão (2). Nesta caixa temos algumas opções de tolerância que serão tratadas a seguir.

Como habilitar a tolerância de uma peça no SolidWorks 2013

Tolerância Simétrica

Quando queremos que a medida fique em torno da determinada, selecionamos a opção de tolerância simétrica. Este tipo de tolerância significa que o erro pode ser para mais ou para menos na dimensão. Se selecionarmos uma tolerância simétrica de 0,2 mm em uma medida de 6 mm significa que a dimensão poderá ser fabricada entre 5,8 mm e 6,2 mm. Utilizamos este tipo de tolerância normalmente em medidas que não são de encaixe.

Tolerância simétrica no  SolidWorks 2013

Tolerância Bilateral

Quando queremos determinar uma faixa de tolerância diferente para mais e para menos de uma medida utilizamos a tolerância bilateral. Podemos definir, por exemplo, uma tolerância de 0,1 mm para mais e 0,3 mm para menos em uma medida de 6 mm. Isso significa que a dimensão poderá ser fabricada entre 5,7 mm e 6,1 mm. Utilizamos este tipo de tolerância em casos que um dos lados da dimensão é crítico, como em casos de montagem.

Tolerância Bilateral no SolidWorks 2013

Tolerância de Ajuste

Quando queremos definir tolerância para uma dimensão a partir de um padrão já preestabelecido, utilizamos a tolerância de ajuste. Este tipo de tolerância é definido por um conjunto de uma letra e um número (ex: h7). Temos letras maiúsculas para furos e letras minúsculas para eixos. A letra vai de A até Z e determina o tipo de ajuste que vai acontecer entre o furo e o eixo (ex: ajuste forçado, ajuste com folga, ajuste preciso).

Significado da letra na tolerância de ajuste no SolidWorks 2013

O número tem 18 graduações, indo do IT01, IT0, IT1 até o IT16 (IT = Iso Tolerance) e determina o grau de qualidade do trabalho. quando mais próximo do IT01 melhor, porém, exige um melhor processo de produção.

Significado do número na tolerância de ajuste non SolidWorks 2013

A partir de requisitos do projeto determinamos a tolerância necessária, e para aplicar no SolidWorks utilizamos a opção ajuste e então selecionamos a tolerância desejada.

Tolerância de ajuste no SolidWorks 2013

Tendo o conhecimento de como definir tolerâncias de dimensões, podemos detalhar melhor nosso projeto e assim ter uma melhor comunicação com a produção das peças. Se você deseja aprender mais sobre SolidWorks, conheça nosso curso gratuito de SolidWorks 2012 Detalhamento.

Você também pode conferir este artigo com videoaula, que mostra um passo a passo de como inserir tolerância geométrica no detalhamento do SolidWorks 2013.

Related Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *