Gerenciamento e organização de programas CNC

Uma tarefa muito importante, e a qual muitas vezes não nos atentamos é a organização dos arquivos de programação quanto ao seu armazenamento. Para um trabalho mais flexível de dados e programas dentro do mundo CNC, os dados podem ser visualizados, armazenados e organizados de acordo com uma utilização de critérios diferentes.

Os programas e arquivos são armazenados em diretórios diferentes, ou seja, pastas onde serão armazenados de acordo com a função ou características de cada dado criado.

Exemplos de diretórios:

  • Subprogramas
  • Programas
  • Peças
  • Comentários
  • Ciclos padrão
  • Ciclos de usuário

Cada programa corresponde a um arquivo e todo arquivo possui uma extensão, que por sua vez, informa qual tipo de arquivo estamos trabalhando.

Exemplo de extensões:

  • .MPF – programa principal
  • .SPF – subprograma
  • .TEA – dados de máquina
  • .SEA – dados de setting
  • .TOA – correções da ferramenta
  • .UFR – deslocamentos do ponto zero
  • .INI – arquivos de inicialização
  • .COM – comentário
  • .DEF – definição para dados globais

Para armazenarmos os arquivos de programas no CNC (máquina), via RS232 (comunicação serial), devemos endereçá-los para os diretórios correspondentes de acordo com o tipo de arquivo a ser armazenado.

A seguir temos uma ilustração do caminho utilizado na armazenagem de dados:

Fluxo de gerenciamento de arquivos

Sintaxe de cabeçalho para armazenamento de programa

%_N_(NOME DO PROGRAMA)_(TIPO DE EXTENSÃO DE ACORDO COM O TIPO DO ARQUIVO)
;$PATH=/(ENDEREÇO CORRESPONDENTE – VIDE GRÁFICO ACIMA)

Exemplos:

  1. a) Nome do Programa: “EXERCICIO” (MPF)

Local a ser armazenado: Programa de peças (MPF_DIR)

Sintaxe:

%_N_EXERCICIO_MPF
;$PATH=/_N_MPF_DIR

  1. b) Nome do Programa: “FLANGE” (MPF)

Local a ser armazenado: Peças de trabalho (WKS_DIR)
Nome da pasta a ser armazenado: Cliente (WPD)

Sintaxe:

%_N_FLANGE_MPF
;$PATH=/_N_WKS_DIR/_N_CLIENTE_WPD

Temos agora a facilidade na organização de todos os dados presentes na programação, conhecimento fundamental para a rapidez de execução dos programas CNC.

Gostou? Então aproveite para conhecer nossos cursos gratuitos de CNC.

RelatedPost

Um pensamento sobre “Gerenciamento e organização de programas CNC

  1. Genésio diz:

    Bom dia Rafael! Tudo bem? Sou luthier em Salvador-BA e estou me estruturando para em breve construir guitarras e baixos. Uma das etapas é utilizar software de desenho 3D para posterior usinagem em CNC, que já adquiri. A CNC veio com ArtCam e Mach3. Soube recentemente que o ArtCam não seria ideal para desenhos 3D de guitarras. Fiz um curso básico do SolidWorks, mas não obtive sucesso. Conversei com um Eng. Mecânico que usa o Catia V5. Você infida algum software para isso? Onde eu poderia encontrar um curso? Grato!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *